Brilho na avenida

0
1413

 

Escola de samba emociona a todos com o tema “Ave Maria Cheia de Faces”.

Citando o bairro em que nasceu no refrão “Estende o teu manto sobre nós, amada padroeira do Brasil. Hoje a Pompeia cantando, te pede perdão”, a Águia de Ouro entrou triunfante no sambódromo do Anhembi nesse carnaval, fazendo uma homenagem à Padroeira do Brasil, com representações de Nossa Senhora Aparecida e diferentes réplicas de pinturas da Virgem Maria. Embora não tenha sido a campeã na disputa do Grupo Especial paulistano (ficou em 8º lugar), conseguiu ótimas notas em vários quesitos, como: mestre-sala e porta-bandeira, recebendo 10 de três jurados e 9,9 de um deles; enredo, com duas notas 10, uma 9,9 e uma 9,8; samba-enredo, com quatro notas 10, e assim por diante. Para os integrantes da escola que, além de se divertir, promoveram um grande espetáculo para os espectadores, valeu cada segundo na avenida.

A Águia de Ouro foi a terceira escola a se apresentar na avenida este ano. Seu desfile, pleno de elementos religiosos, teve uma encenação do flagelo de Cristo, uma bailarina fantasiada de Nossa Senhora saindo de um caldeirão cheio de fumaça e 13 bailarinas representando sacerdotisas em sua comissão de frente. A escola também contou com a participação da atriz Nicette Bruno, que fez sua estreia como destaque no carnaval paulistano.

A história da escola de samba começou em maio de 1976, na Vila Anglo Brasileira, bem no coração da Pompeia, com os já tradicionais integrantes do time de futebol Faísca de Ouro: Gilson Carriuolo Antonio, Valdemar (Maíco) e José Luiz (Bolão). Eles, que até então desfilavam em blocos carnavalescos na cidade de Tietê, organizaram e fundaram o G.R.E.S. Águia de Ouro, que estreou em 1977 com o enredo “A Bahia de Jorge Amado”, conquistando logo no primeiro ano o vice-campeonato e o acesso ao 4º grupo do carnaval paulistano.

[media-credit name=”Art Messina/Liga” align=”alignleft” width=”300″]12716104_581816405321005_4113992268144051846_o[/media-credit]

Depois de muito samba no pé, na década de 2000 a escola se firmou na elite do carnaval de São Paulo entre as grandes e passou a querer conquistar ainda mais glórias. Em 2010, o espaço sob o viaduto Pompeia, local onde ensaiaram por quase 15 anos, deixou de ser sua sede. Hoje, na avenida Presidente Castelo Branco, a grande equipe produz seus carros alegóricos, fantasias e recebe seus integrantes para os ensaios de braços abertos. Segundo declarações do presidente da escola, Sidnei Carriuolo, o trabalho realizado junto aos desfilantes que realmente vestem a camisa da escola é muito importante. “Nós fazemos um trabalho de alguns anos junto à nossa comunidade, e estamos começando a colher os frutos”, disse. (ND)

Águia de Ouro

Av. Presidente Castelo Branco, 7.683

Telefone 3872-8262

aguiadeouro.com.br

Fotos: Beth Trindade/Águia de Ouro

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA