Acampados para o show

0
122

Foto: Bárbara Dantine

Bárbara Dantine
Fãs não medem sacrifícios para ver seus ídolos

Fãs acampam por três meses para show no Allianz Parque.

Abrir mão do conforto do seu lar para acampar na rua por três meses parece impensável para muita gente. Porém, para as fãs do grupo sul-coreano BTS, o acampamento faz parte da experiência do show, além de garantir um local mais próximo aos ídolos.

Desde o dia 18 de fevereiro, a Praça Conde Francisco Matarazzo Junior foi o lar de um grupo de cerca de 60 pessoas que se revezavam entre ficar no acampamento e realizar outras atividades, como ir para a faculdade e trabalho. Elas se intitulam como ARMY, que é o fandom do BTS. Fandom é o diminutivo da expressão em inglês “fan kingdom”, que pode ser traduzido como “reino dos fãs”. Alguns pais também se aventuraram no acampamento, para acompanhar durante o dia, os filhos menores de idade. À noite os menores voltavam para casa. A banda que é um fenômeno do k-pop se apresentou no Allianz Parque nos dias 25 e 26 de maio, com lugares esgotados nos dois dias. Os ingressos da turnê “Love Yourself: Speak Yourself”’ tiveram preços que variaram entre R$ 290 (cadeiras superiores/inteira) e R$ 975 (que dá direito a assistir a passagem de som antes do show).

Como o único local que vende os ingressos sem taxa de conveniência foi a própria bilheteria do estádio, aproximadamente 5 mil pessoas se enfileiraram no primeiro (e único, já que os ingressos se esgotaram rapidamente) dia de vendas pelas ruas da Pompeia para garantir a sua entrada. Na venda pela internet, antes de ser anunciado que seria realizado o segundo show no dia 26, os ingressos disponíveis esgotaram em 1 hora e 15 minutos. Entre bilheteria e internet foram disponibilizados 36.120 ingressos.

Mas para quem decidiu acampar na praça, o custo dos ingressos não foi o único. As meninas estimam que gastaram por dia cerca de R$ 130 em alimentação para cada barraca e R$ 10 por pessoa para tomar banho em um hotel localizado na Rua Clélia. No total, elas afirmam que gastaram cerca de R$ 40 mil desde fevereiro.

BTS_DVO acampamento levantou algumas discussões pela região. Moradores do entorno do estádio cobram há anos dos organizadores de shows medidas para amenizar o impacto dos eventos, como a abertura dos portões em horários mais cedo, venda de ingressos em outros locais e uma área para abrigar fãs que ficam por períodos prolongados. Antes do BTS, fãs do cantor Justin Bieber acamparam por seis meses no entorno do Allianz Parque, entre 2016 e 2017. A cena poderá se repetir se for confirmada a realização do show da cantora Taylor Swift, que nunca veio ao Brasil, no estádio da Pompeia. A apresentação está prevista para 2020. (Bárbara Dantine)

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA