Cordel na Cortez

0
1263

A Livraria Cortez apresenta o V Cordel na Cortez, um dos eventos mais esperados do ano. Com a principal finalidade de divulgar e valorizar a literatura de Cordel – que traz em suas capas xilogravuras apresentando aspectos do tema tratado -, o Cordel na Cortez é um presente para quem gosta de poesia e cultura popular e nela consegue descobrir a voz de um povo que não perdeu a capacidade de se emocionar. Esta edição acontece de 14 a 26 de agosto.
Idealizado por Gilmar de Carvalho, professor da Universidade Federal do Ceará, o evento promove e busca uma maior visibilidade para o “Cordel”, que passou da oralidade para o impresso em forma de folhetos no final do século XIX, sendo uma valiosa fonte de informação para pesquisadores.
Sob a coordenação do poeta e membro da Academia Brasileira de Literatura do Cordel, Moreira de Acopiara, vão se apresentar, entre outros, os tradicionais repentistas Sebastião Marinho e Andorinha, autores como Alexia do Brasil, Bráulio Tavares, Medeiros Braga; os xilógrafos Jerônimo Soares, Frencorli e Zé Luorenço de Juazeiro do Norte, a artista plástica e arte-educadora Nireuda Longobardi, o cantor e compositor Eliezer Teixeira, entre outros. O V Cordel também contará com Mestre Bigode. “Ele é um emboladeiro, faz a embolada, um ritmo que existe no Nordesta. Ele vem de Juazeiro do Norte para participar do Cordel”, diz o supervisor da livraria, Marcilio Rodrigues de Carvalho.
Durante todo o período, a Livraria Cortez promoverá diversas atividades voltadas para o tema Cordel, para atrair públicos de todas as idades. Além da programação cultural, fará exposições e vendas de clássicos de cordéis de autores consagrados desta literatura, como Manoel Monteiro, Abraão Batista, J. Borges, entre outros. Também haverá xilogravuras e Cd's de diversos repentistas.
Uma das novidades desta edição será a demonstração de “Cordelar”, uma empreendimento cultural que pretende manter a tradição da linguagem tipográfica e xilográfica na impressão de folhetos de cordel, transformando a técnica de tipografia, processo de impressão obsoleto em forma de expressão artística, aliada a matrizes xilográficas para confecção de livretos de cordel.
Além disso, os visitantes poderão saborear comidas e bebidas típicas do sertão nordestino. As escolas devem agendar visitas previamente. Mais informações sobre a programação do V Cordel na Cortez podem ser obtidas no www.livrariacortez .com.br.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA