Hospital mais eficiente

0
1579

O Hospital e Maternidade São Camilo Pompéia inaugurou novo prédio no último dia 19 de dezembro. São 15 andares em 16,2 mil metros quadrados que contemplam 48 novos leitos, sendo 15 apenas para a Terapia Intensiva (UTI).
Um dos motivos para a ampliação foi o aumento populacional, crescimento vertical da Zona Oeste, aumento da demanda por atendimento e limitação da área para ampliação de serviços de apoio e novas tecnologias. Inclusive, o aumento do comércio, meios de transporte como metrô e trens, acessos fáceis a vias expressas, escolas e casas noturnas, o que, conseqüentemente, gera mais busca por atendimento hospitalar. “Com o aumento da capacidade de atendimento o São Camilo suprirá a demanda na região. 10% dos pacientes que procuravam pelo hospital eram transferidos por falta de vaga. Hoje isso não acontece mais, além de desfrutarem de maior conforto”, afirma o diretor administrativo do São Camilo, Emanuel Toscano.
O edifício faz parte de um grande projeto de ampliação previsto para ocorrer em três fases e que dobrará o número de leitos dos atuais 150 para 300, o que significa passar de 900 internações ao mês para 1400. O primeiro concluído em 2005; o segundo com sete andares e que será ocupado com ambulatório, serviços de diagnósticos e áreas administrativas e, por fim, o terceiro que será a continuação do prédio recém-construído com a entrada principal pela lateral.
Ao todo serão cinco subsolos, 114 apartamentos, 29 leitos de UTI Adulto, dez de UTI Infantil  e seis de Neonatal, três novas salas para o Centro Cirúrgico, três salas para cirurgias de pequeno porte e duas para endoscopia. Além de novos consultórios no ambulatório, restaurante, lanchonete, cafeteria, lojas, capela, brinquedoteca, vestiários, auditório e solarium, quatro níveis de estacionamento, refeitório e heliponto. Tudo isso cercado por um projeto especial de paisagismo.

Além do investimento na infra-estrutura e no corpo clínico (o número de médicos disponíveis também deve aumentar), a qualidade no atendimento passa necessariamente pela modernização tecnológica. Por isso, o São Camilo tem investido em equipamentos de última geração tanto para modernizar seu Centro Cirúrgico, Câmara Hiperbárica e  Pronto Socorro quanto para o setor de exames e Diagnóstico por Imagens. Foram investidos cerca de US$ 1,5 milhão. O princípio desta preocupação é proporcionar o máximo de recursos para um diagnóstico preciso e seguro, com a máximo qualidade e rapidez.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA