Verão livre das picadas

0
1350

Foto:

Dra. Erika Mauler

Com a chegada do verão, é comum muitas
pessoas sentirem o aumento de picadas de insetos. A Dra. Erika Mauler
explica que isso acontece “por causa do ambiente que fica mais propício
para a proliferação dos insetos. Um ambiente quente, úmido”.
Por
isso nessa época é imprescindível o uso de telas, repelentes de tomada
e de pele, além de cuidados com o ambiente, como evitar o acúmulo de
água. “Feche as janelas no fim da tarde, que é o período que eles
entram nas casas”, ela aconselha.
Apesar de para alguns parecer que
levam mais picadas do que outros, a Dra. Erika explica que a diferença
está na reação alérgica a picada que cada um sofre. “Tem gente que tem
uma maior reação inflamatória da picada que outras, então aparece mais.
Quando libera a substância que faz a pele inflamar e coçar, ela também
vai ser liberada em outros pontos da pele, surgindo outras lesões. Por
isso que quem tem alergia fica todo picado”, explica.
Quem quiser
usar repelentes pode optar pelos naturais, que podem ser usados até por
bebês, feitos com óleo de citronela. Agora, quem optar pelos repelentes
vendidos em farmácia deve sempre estar atento ao rótulo e seguir as
instruções, especialmente em relação à faixa etária que pode usar o
produto. Uma outra dica que ela dá é tomar vitamina B que, de acordo
com ela, tem caráter repelente. “Você toma 15 dias antes de ir para a
praia, por exemplo”, diz.
Os cuidados com os repelentes são
importantes, pois podem desencadear uma reação alérgica. “Como você vai
passar em toda a superfície cutânea, que é o maior órgão do corpo, a
reação pode ser intensa”, ela conta.
Quando as picadas acontecem, o
uso de remédio pode variar de anti-inflamatórios até corticoides, em
casos mais graves. Mas, antes de tomar qualquer coisa ou passar
qualquer creme, é imprescindível consultar um médico. Evite coçar o
local pois, mesmo lavando a mão, pode-se ter algum germe que
infeccionará o local. E a Dra. Erika dá uma dica para aliviar a
coceira. “Uma coisa legal de se fazer em casa é compressa gelada de chá
de camomila, que é calmante, e passar no local”. Outra dica importante
é evitar tomar sol no local da picada, pois a região que estiver
inflamada pode manchar.

Dra. Erika Mauler
Rua Caraíbas, 724, Perdizes
Telefone 3476-3186

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA