Marchinha anima torcida

0
1492

Foto:

Criatividade em homenagem ao país

O casal Manoel Ferreira e Ruth Amaral, criadores de famosas marchinhas carnavalescas como A Pipa do Vovô, Coração Corinthiano e outros sucessos que todo mundo canta, criaram mais outra. O tema desta vez é a Copa do Mundo da África do Sul. Com o nome “Este ano tem de ser o hexa!”, o canal SBT faz várias chamadas durante a sua programação: “Vai lá Brasil/ Que a hora é essa/ Eu este ano/ Vou querer o hexa!”…
Para Manoel, “eu e Ruth sempre estamos criando novas músicas, principalmente para oferecer para o Sílvio Santos que já gravou várias delas. Essa foi mais uma e espero que o hexa venha para nós”. No currículo deles, são mais de 200 composições e muitas delas renderem prêmios em festivais. Tudo começou quando ele, em 1955, bolou o famoso (para os maiores de 50 anos) “Como vai, como vai, como vai?…”, que era a saudação entre os palhaços Arrelia e Pimentinha.
Em 1957, Manoel conheceu Ruth e com ela formou não só uma parceria de vida mas também musical. “Nós fazemos juntos letra e música” diz o animado Manoel. No carnaval deste ano, eles foram homenageados pelo cordão carnavalesco Passaram a Mão na Pompéia. “Foi uma grande emoção sermos homenageados pelo bairro em que vivemos há 45 anos”, diz. Em maio último, no Sesc Pompeia, Manoel e Ruth receberam outra homenagem no evento de 100 anos da Pompeia.
A marchinha do hexa é mais uma prova da criatividade e do oportunismo deles. Como faz sempre, eles apresentaram a música primeiro para o Silvio Santos, que imediatamente resolveu colocar no ar como chamada para seu canal. Aliás, o apresentador é responsável por vários sucessos como “A bruxa vem aí”, “Coração Corinthiano”, “A pipa do vovô”e mais recentemente “Ai, ai, ai, ui, ui, ui”. “Nós já sabemos que tipo de música o Sílvio gosta de cantar e quando gravo a melodia, deixo o espaço para ele apenas colocar a voz”. Essa parceria vem desde 1960.
Mas neste ano não foi só a Copa que mereceu uma música. O Corinthians, time do coração do casal também ganhou uma homenagem. A marchinha “100 anos de emoção” foi feita para saudar o centenário de um dos times mais populares do país. Manoel avisa que em setembro, quando o Timão faz a festa dos 100 anos, eles já foram convidados para participar e cantar a música.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA