Um exemplo|a ser seguido

0
1225

Foto:

Mãe e filha por uma boa causa

Quem passar pela Rua Ministro Godói esquina com a Rua Turiassu, em Perdizes, vai encontrar a banca de jornal e revistas Cissa News. Sem imaginar, a proprietária Maria Cecilia e a filha viraram notícia por se preocuparem em ajudar o próximo e dar bom atendimento ao cliente.
Por sugestão da filha caçula Débora, a dona da banca colocou há um ano e meio seis cadeiras de plástico lado a lado na parada de ônibus próxima ao seu local de trabalho.
A iniciativa ocorreu quando percebeu que o ponto era muito frequentado por idosos que ficavam muito tempo em pé esperando o transporte. Ela conta que uma senhora pediu para lhe dar um abraço em agradecimento. “É muito gratificante, vale muito mais que qualquer coisa,” afirma Maria Cecília.
A prefeitura colocou a cobertura do ponto de ônibus há seis meses, mas os bancos não foram colocados.
Atender bem seus clientes e deixar o lugar mais alegre e limpo sempre foi sua preocupação, por isso colocou ao lado da banca bituqueiras, lixeiras e vasinhos com flores. E outra prática habitual da empresária é limpar todas as propagandas coladas nos postes e cuidar da árvore na calçada.
A empresária sempre está inovando e atribui isso aos oito anos de trabalho no cargo de assistente financeira em uma instituição bancária. Por isso tem à disposição de seus clientes o itinerário das linhas de ônibus que passam no local e o mapa das ruas próximas. Além dos jornais e revistas, a empresária faz reservas de coleções, oferece livros de filosofia para aqueles que querem ler enquanto esperam o ônibus chegar. E quem tem muita pressa pode comprar seu jornal, enquanto o semáforo está fechado, “sistema drive thru”, brinca.
Situações adversas e difíceis, todo mundo passa por elas, é claro, e com Maria Cecilia não poderia ser diferente. Ela relembra duas situações: na primeira, uma mulher tentou levar a mercadoria sem pagar e, em outra situação, uma adolescente reclamou por ter se negado a vender cigarros para ela por ser menor de idade.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA