Unibes Cultural e CEU Perus sediam festival de cinema acessível para crianças com deficiências

0
712

O projeto, que conta com a chancela da Unesco, foi aprovado pelo Criança Esperança e aproxima da sétima arte as crianças com deficiência visual, deficiência auditiva, deficiência motora e deficiência intelectual, e mostra como educação, cultura, tecnologia e solidariedade podem ser agentes de transformação e inclusão social. Com um mix de sensibilidade, experiência, conhecimento e tecnologia, o festival consegue que todas as crianças, com suas diferentes características, assistam e curtam juntas aos filmes. O Festival de Cinema Acessível Kids traz como diferencial a adaptação de obras cinematográficas infanto-juvenis, mas que fazem sucesso com a família toda. Oferece conteúdo acessível de qualidade para uma parcela da população privada do direito de ter acesso à magia do cinema.

As sessões acontecerão dia 23 de agosto, às 14h na Unibes Cultural, Rua Oscar Freire, 2.500, metrô Sumaré – Santuário Nossa Senhora de Fátima, com a exibição de Malévola (2014, 1h37), com audiodiscrição, libras e legendas descritivas. Com Angelina Jolie, Elle Fanning, Sam Riley, Sharito Copley e direção de Robert Stromberg.

No dia 24, às 14h, no CEU Perus, Rua Bernardo José de Lorena, s/n, na Vila Fanton, zona Norte, a animação Meu Malvado Favorito 1 (2010, 1h35), exibido em legendas, libra, e autodiscrição. Nos dois endereços a entrada é franca e o evento é aberto ao público.

Até hoje, em suas versões adulto e infantil, o Festival de Cinema Acessível foi assistido por cerca de 18,2 mil pessoas, em 36 cidades (32 no Rio Grande do Sul, duas em Santa Catarina, uma vez em São Paulo e uma em Natal), em 96 apresentações presenciais; além de quatro online, em 2021.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA