Por um olhar marcante

0
1075

Foto:

Trabalho delicado e preciso

Muitas pessoas dizem que uma das coisas que mais gostam do outro é o olhar. E também é uma das coisas que mais lembram de alguém. Mas um olhar bonito não depende só dos olhos, as sobrancelhas também são muito importantes – são a moldura dos olhos.
Há muitos anos as mulheres cuidam de suas sobrancelhas, basta ver sua história na moda. Teve a época das bem fininhas, depois as sobrancelhas mais cheias. Com o tempo, as mulheres passaram a buscar um olhar mais natural, mas sempre bem definido. “O que todas gostam e desse olhar meio arqueado, levantado. Só que como cada rosto tem uma simetria fácil, você não pode fugir muito daquilo que é”, explica a designer de sobrancelha Denise Souza.
Ela dedica-se há mais de 10 anos às sobrancelhas alheias. Já trabalhou em salões e clínicas de estética até perceber que seu trabalho fazia muito sucesso e e que poderia ampliar seu atendimento. Então resolveu montar seu atelier de sobrancelhas. Como já tinha muitas clientes na região, escolheu Perdizes.
Ela também faz micropigmentação e maquiagem definitiva, uma ótima solução para corrigir as falhas. Mas não pense que isso é o mesmo que tatuagem. “A tatuagem é com outro aparelho, outras tintas. Esse aparelho que eu uso, a batida é bem sutil e não atinge tão profundamente a pele a ponto de ser tatuagem”, diz ela. A micropigmentação dura cerca de um ano e tem várias tonalidades de cor, que são escolhidas de acordo com o tom de pele e cor de olho para chegar o mais próximo possível do natural. Para quem tiver algum evento, Denise também faz lindas maquiagens.
A distância entre as visitas varia de acordo com o que é preciso fazer. Se ainda está na fase de consertar o desenho, ela aconselha a cada duas semanas. “Porque mais que isso elas não aguentam e vão mexer”, fala. Se já estiver bem desenhada, a cada 20, 30 dias já é suficiente.

Denise Souza
Rua Monte Alegre, 453, Perdizes
Telefones 3868-1568 e 9823-8528
www.denisedesigndesobrancelha.com.br

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA