Colégio Santa Marcelina: 90 anos dedicados ao ensino

0
239

Foto: Gerson Azevedo

Gerson Azevedo
Colégio Santa Marcelina formando gerações desde 1927

O Colégio Santa Marcelina comemora neste ano 90 anos de fundação e total dedicação à educação. 

A Congregação Marcelina, mantenedora do Colégio Santa Marcelina, foi fundada em 1838 em Cernusco, Milão, norte da Itália, pelo monsenhor e beato Luis Biraghi (1801-1879). O fundador considerava a educação como um dos pilares para a boa formação das futuras gerações. Biraghi elegeu Santa Marcelina como padroeira da congregação por ser ela a educadora de seus dois irmãos, Satiro e Ambrosio, que ficaram órfãos muito cedo e se tornaram santos anos depois.

A proposta educacional das Marcelinas é baseada “nos princípios de liberdade e os ideais de solidariedade humana da educação nacional, bem como suas finalidades: o pleno desenvolvimento do educando, seu preparo para o exercício da cidadania e sua qualificação para o trabalho”.

O colégio iniciou suas atividades em Perdizes em 1927 só aceitando alunas. Anos depois, passou a aceitar os meninos. Em 1985, o colégio foi ampliado com a inauguração do prédio anexo.

Sta (8)

Segundo Fátima Eliza Marchetti, que foi aluna e depois voltou como professora e hoje é a diretora pedagógica do colégio, “o Santa Marcelina acompanha os avanços do ensino e tem uma estrutura moderna”. A escola recebe alunos “sem distinção de religião”, informa a Irmã Patrícia, coordenadora geral de ensino fundamental, “temos alunos de todos os credos e no currículo temos aulas de teologia, onde estudamos todas as religiões, não somente à católica”, completa.

Festa 20-5-17-Div (2)Desde que se instalou em Perdizes, o Santa Marcelina mantêm uma relação bem próxima com o bairro e a região. “Várias gerações de famílias da região passaram pelo nosso colégio. E os ex-alunos participam das atividades internas e externas promovidas pelo colégio, interna”, explica Fátima.

Sta (16)

A Congregação Marcelina administra outros colégios pelo Brasil, um hospital na zona Leste da Capital e a Faculdade Santa Marcelina, ao lado do colégio. Têm projetos de ajuda voltados para populações carentes no Brasil e em países como o Benin, na África, onde as Marcelinas desenvolve trabalho assistencial e educacional. Além de participarem ativamente de campanhas promovidas pela igreja católica.

Colégio Santa Marcelina, Rua Cardoso de Almeida, 541, Perdizes, Telefone 3677-0600, www.marcelinas.com

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA