Terapia em grupo

0
349

Baixa Terapia, peça encabeçada por Antonio Fagundes, reestreia no Tuca com ensaios abertos ao público.

Uma peça teatral escrita pelo argentino Matias Del Federico e que foi sucesso de público durante o ano passado, reestreou no teatro da Pontifícia Universidade Católica, o Tuca, no dia 19 de janeiro. Com a direção de Marco Antônio Pâmio e encabeçada por Antonio Fagundes, tem no elenco: Mara Carvalho, Alexandra Martins, Ilana Kaplan, Fábio Espósito e Bruno Fagundes.
De acordo com a assessoria de imprensa do espetáculo, “foram mais de 70 mil espectadores em 118 apresentações.”

A nova temporada que, a princípio, ocorrerá entre 19 de janeiro e 22 de abril, promete repetir o mesmo sucesso.

A peça é uma debochada comédia, com final surpreendente, que apresenta três casais, um após o outro, que chegam para uma sessão de terapia. Os três casais são formados por Ariel (Antonio Fagundes) e Paula (Mara Carvalho), Estevão (Bruno Fagundes) e Tamara (Alexandra Martins) e Roberto (Fábio Espósito) e Andrea (Ilana Kaplan). A sessão, que ocorre sem a presença da psicóloga, mas que tem instruções muito bem pontuadas pela profissional para a condução da terapia, corre regada a uísque e vai se aprofundando nos problemas de cada um do grupo.

Com o passar do tempo, o ambiente vai esquentando até tornar-se quase caótico com as queixas, confissões, suspeitas, revelações, verdades e mentiras do grupo, que divertem o público presente.

Assim como aconteceu com Vermelho, espetáculo com Antonio e Bruno Fagundes, que ficou em cartaz também no Teatro Tuca de agosto a dezembro de 2016, Baixa Terapia terá ensaios abertos aos sábados, para que o público possa acompanhar todo o processo de criação, desde o primeiro dia de produção. Os ingressos podem ser comprados no site www.ingressorapido.com.br, ou diretamente na bilheteria do Teatro Tuca.

O público também terá acesso aos bastidores, antes das sessões de sábado, para vivenciar o que acontece por trás do espetáculo, com uma conversa com o elenco e tour pelas coxias e camarim. A experiência é vendida a R$ 100 e tem duração, em média, de 40 minutos.

O tradicional bate-papo de todo o elenco com a plateia no fim de cada espetáculo permite ao público maior aproximação com os atores. O espetáculo acontece de sextas-feiras às 21:30h, aos sábados às 20h e aos domingos às 18h. Para comprar na bilheteria, basta ir ao Tuca de terça a domingo das 14h às 20h. (ND)

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA