Uma praça para chamar de sua

0
179

Foto: Lucia Oliveira

Lucia Oliveira
Projeto une a comunidade

Em conjunto com o Projeto Epopeia, moradores revitalizam a Praça Tupã e sonham em torná-la um local de encontro e lazer.

Até bem pouco tempo atrás, a situação da Praça Tupã, na Pompeia, era igual a de muitas da região: ao invés de ser um ponto de encontro dos moradores e um local de lazer, a praça estava com o mato alto e muita sujeira e entulho acumulados. “Até animais mortos havia lá”, conta Fernando César Rosales, morador da Pompeia e colaborador do Projeto Epopeia, iniciativa da Igreja Adventista do Sétimo Dia que contribui com os moradores da região da Pompeia, Vila Romana e Água Branca em ações para melhorar a qualidade de vida nesses bairros.

Praça Tupã, na Pompeia (Lucia Oliveira)
Praça Tupã, na Pompeia (Lucia Oliveira)

Um panfleto divulgado pela Associação Amigos da Praça Tupã, pedindo ajuda para revitalizar o local, chamou a atenção dos colaboradores do Projeto Epopeia, que se mobilizaram para, em conjunto com a população, mudar a situação da praça. Rapidamente foram organizados mutirões para retirar o entulho, varrer a sujeira e cortar a grama. Daqui para a frente, esse trabalho deve ser realizado quinzenalmente, para que o local permaneça bem cuidado. Segundo Rosales, um dos grandes desafios para preservar a praça será convencer os pichadores a ficarem longe do local. “Como forma de manter o lugar em ordem, o Projeto Epopeia já entrou com um pedido na Prefeitura Regional da Lapa para adotar a praça”, revela ele.

Enquanto o processo de adoção está em andamento, a entidade pretende discutir com os moradores quais melhorias implantar no local. “Como a região tem muitos cães, estamos pensando em propor a construção de um cachorródromo”, diz Rosales. “Além disso, está nos nossos planos instalar um corrimão e realizar um trabalho artístico na escadaria que há na praça, melhorando a segurança e embelezando o lugar, fazer um jardim de ervas e a identificação das árvores lá existentes. O que nós queremos é que a Praça Tupã seja um local agradável, do qual toda população do bairro possa desfrutar”. (Lúcia Oliveira)

Projeto Epopeia, projetoepopeia@gmail.com, Facebook e Twitter: projetoepopeia

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA