A esquina dos grelhados

0
910

Um casarão na esquina das ruas Barão do Bananal e Tavares Bastos ganhou novos ares e foi transformado na Galeteria Pompéia, o seu mais novo ponto de encontro para saborear grelhados e chopes.
Seja nos finais de tarde ou no almoço no final de semana, o clima da casa é bastante agradável. Logo na entrada, uma varanda onde fica a churrasqueira convida ao descanso e ao bate papo descompromissado com os amigos. Além da varanda, a Galeteria dispõe de um bar e, no andar superior do sobrado, um espaço cercado por varandas onde, em breve, haverá música ao vivo às quintas-feiras. Nas paredes da casa, quadros remetem à seriados, filmes antigos e artistas, como Os Três Patetas, Rim Tim Tim, O Gordo e o Magro, Gene Kelly e Ginger Rogers.
A casa serve os mais suculentos grelhados de picanha, cupim, lingüiça, costela, provolone, entre outros. Para acompanhar farofa, vinagrete, cebola à moda, alho frito e pão francês. Além disso, o cardápio conta com vários tipos de porções, como a de mandioca ou polenta frita, pastel e bolinho de bacalhau. Uma das novidades é o Buffalo Wings: asas de frango empanadas com molho de pimenta.
Para beber, chopes Erdinger e Therezópolis, além de caipirinhas. “Temos drinques especiais servidos no inverno e estamos preparando algumas novidades para o verão”, diz Lia do Carmo, uma das sócias da casa. O projeto de trazer a Galeteria para a Pompéia foi dela e dos sócios José Antônio do Carmo e Nei Gimenez. “As pessoas preferem ir aos locais perto de casa. E a Galeteria está sendo bastante freqüentada por quem mora no bairro”, diz Lia.
A Galeteria Pompéia abre de terça a sexta-feira, das 16h30 à 1h; sábados, domingos e feriados, das 12 à 1h.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA