Pinturas em vidro

0
1730

O motorista e morador da Pompéia Odair Lopes da Silva sempre desenhou e pintou. Até que, há 12 anos, descobriu o jateamento e pintura em vidro e aperfeiçoou a técnica, criando uma nova forma de pintar que também pode ser uma opção de presente e decoração.
Para ele, esse tipo de pintura, a qual classifica como escultura em vidro, tem muitas vantagens, como não arranhar e poder ser lavada com água e sabão sem que a tinta saia, além de ser totalmente restaurável, mesmo estando com moldura. “A tinta é retirada apenas com solvente. Assim, posso pintá-la novamente”, comenta.
Odair conta que o processo é simples, mas exige paciência como em qualquer tipo de arte. “A pintura proporciona efeitos e relevos diferentes na pintura”, observa, ressaltando ainda que deficientes visuais podem apreciar as pinturas sentindo o alto e baixo relevo e detalhes do desenho.
Até o momento Odair só tem vendido suas obras para conhecidos e participou apenas de uma mostra de arte em 1998, pois acredita que este tipo de arte ainda é pouco reconhecida. No entanto, quem quiser ter um quadro personalizado, pode encomendar, pois ele reproduz qualquer tipo de desenho em vidro. “Os campeões de pedidos são os de John Lennon e Charles Chaplin que ficam muito bonitos em preto e branco”, comenta. Vale a pena conhecer!

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA