Dançando|com a fama

0
1579

Foto:

Henrique: decidi cedo o meu futuro

Carlópolis, um município situado às margens da represa da Usina Hidrelétrica de Chavantes, que proporciona uma beleza capaz de impulsionar atividades turísticas e um desenvolvimento diferenciado em relação a outros municípios da região, segundo o site livre Wikipédia, é a cidade natal do personagem do mês.
Com uma área pouco maior que 447 quilômetros quadrados em sua extensão, a cidade se tornou pequena para as aspirações de Henrique Mariano, que um dia, sem pensar muito nas consequências, pegou uma carona com um circo que fazia espetáculos naquela cidade, como uma chance imperdível, e partiu com a trupe circense para uma temporada. Quando retornou à cidade, já tinha definido o queria fazer do seu futuro.
Saltar com elegância, confluir música com gestos cheios de ritmos, soltar o corpo numa vibração que provoca a emoção e repetir toda a sequência da coreografia são movimentos cotidianos para ele, mas para chegar aonde chegou hoje, o bailarino não perdeu o foco. Quando veio para São Paulo, aos dezessete anos, fez teste para o programa de Gilberto Barros e ficou entre os quatro dançarinos escolhidos num grupo de 70 profissionais.
Foi a primeira oportunidade de trabalhar em uma emissora, depois vieram Gazeta, SBT, Bandeirantes. Mas Henrique Mariano é do tipo que não se satisfaz quase nunca e quando se pensa que as coisas estão definidas e pactuadas, ele reinventa o que fazer.
Foi com esse espírito inquieto que certo dia do seu cotidiano, anunciou aos alunos da escola que trabalha, que havia feito a inscrição para participar do quadro “Dança com os Famosos” do Domingão do Faustão. Detalhe: sete mil se inscreveram para o mesmo quadro.
Não parou nisso. Três meses depois da inscrição, a produção do programa ligou para Henrique informando que ele era um dos selecionados entre 70 dançarinos. e mais tarde ficou entre os cinco finalistas. Preparou, treinou e coreografou o quadro com a atriz Rosamaria Murtinho. Na academia CPN no bairro da Pompeia, onde o bailarino atua como professor, Henrique dá aos alunos a oportunidade de aprender os diversos ritmos e estilos dentro do universo da dança, empresa que tem a alegria, descontração, energia e qualidade de vida como diretriz, e afirma, “tem que sair da situação de sedentarismo”.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA