Escadaria cheia de vida

0
1714

Um local antes sujo, feio e degradado se transforma em um dos pontos mais utilizados de Perdizes.

Antes mesmo que o primeiro raio de sol surja no horizonte a Escadaria Sumaré já começa a ser ocupado por pessoas que vão lá para se exercitar. Segundo o taxista Orlando Pereira Souza, do ponto de táxi Sumaré, quando ele chega no trabalho, às 5 horas, já tem gente se exercitando. “Trabalho nesse ponto há 15 anos e vi toda a transformação da escadaria. Toda ela era muito feia, suja, sem iluminação… as pessoas tinham até medo de subir. Agora, depois que pintaram, ficou lindo. Vem gente de todos os lugares pra usar ou apreciar”, conta.escadão sumare06-DPP-JUL-TG

Marta Cardoso de Almeida é uma dessas pessoas que treinam. “Faço caminhada na (avenida) Sumaré e aproveito pra complementar. Hoje subo de três a quatro vezes, mas a minha meta é chegar a 10, subindo 1.108 degraus”, declara.escadão sumare02-DPP-JUL-TG

escadão sumare01-DPP-JUL-TG_1A Escadaria Sumaré liga a Praça Irmãos Karman à (rua) André Dreyfus. Segundo Andrea Proença, que mora no bairro desde que nasceu, tudo começou com algumas pequenas iniciativas de moradores. “Um começou a pintar um degrau, outro pintou outro degrau, há aproximadamente um ano. Como eu ando todo dia pelo bairro, fui percebendo que o astral do lugar foi mudando aos poucos… antes, o que era um local sinistro, onde pessoas costumavam beber, jogar lixo, agora se transformou num ponto de encontro, onde as pessoas podem fazer exercícios, paquerar, ou simplesmente curtir as lindas carpas pintadas nos degraus”, declara a moradora.

O responsável pelo grafite é o artista plástico Antonio Massola, também morador do bairro, que literalmente fez uma obra-prima a céu aberto. Segundo informações colhidas nas entrevistas, há cerca de quatro meses, alguns moradores e frequentadores pediram licença à subprefeitura da Lapa e fizeram uma vaquinha para ajudar a adornar os degraus.

escadão sumare05-DPP-JUL-TGO local é muito frequentado por famosos, como a apresentadora Sabrina Sato e as blogueiras Lalá Noleto e Gabriela Pugliesi, que fazem um treino pesado, supervisionado pelos seus coaches. A reportagem também encontrou o músico Lucas Silveira, da banda Fresno, sua esposa e skatista Karen Jonz e a filhinha do casal Sky Jonz descendo os degraus. Lucas diz que antes tinha apelidado o local de “escada das baratas”, mas que quando virou moda malhar na escadaria, ele gostou da modificação e também aderiu aos treinamentos. “Eu malhava com um treinador, mas confesso que a subida é cruel. Agora uso a escadaria só como passagem. Depois que tivemos bebê, uso isso como desculpa pra não treinar”, diverte-se. (ND)

Fotos: Tiago Gonçalves

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA