Belos assados!

0
1091

Foto:

E a massa servida é preparada diariamente por um dos proprietários.

Acostumado a avaliar a qualidade dos serviços prestados em restaurantes brasileiros e internacionais, quando trabalhou em revistas de turismo e gourmet, o jornalista Ricardo Pandolfi passou para o lado de lá. Ele e o irmão, Fabio Pandolfi, abriram na Pompeia, há um ano e meio, o restaurante que leva o sobrenome da família, especializado nas cozinhas italiana e brasileira. A casa abre para o público de segunda a segunda somente no horário de almoço, mas os proprietários disponibilizam o grande espaço, para realização de eventos e comporta até 80 pessoas.
No almoço, de segunda a sexta, uma das opções é o cardápio executivo por R$ 19,90. “São pratos simples e rápidos, por causa do horário”, explica Ricardo. São 15 variedades de pratos, e uma salada de entrada, como o filé-mignon com arroz e fritas ou fetuccine ao sugo. Toda a massa servida é preparada diariamente por Fabio. Para quem tem mais tempo, prove o prato temático, que muda mensalmente, valorizando a culinária da comida brasileira. Este mês é a vez da culinária carioca. “A opção é o bacalhau à Gomes de Sá, típico dos restaurantes cariocas, que receberam muita influência portuguesa”, detalha Ricardo. Há ainda a opção do prato fixo, como salmão com risoto de palmito, por R$ 38,90.
Mas o próprio dono destaca que o forte da casa são os assados, servidos nos finais de semana. “São carnes assadas por até  18 horas no forno a lenha. Temos cordeiro, javali, leitão e cabrito”. No dia da entrevista, Ricardo preparava um lagarto recheado ao molho de vinho tinto. Em média, o assado custa R$ 35,00. A sobremesa também é preparada no local e o destaque fica para o pudim de leite, feito no forno a lenha, por R$ 8,90.
Ricardo brinca que 20% de sua clientela tem meio metro de altura. Por isso, o restaurante oferece um cardápio para crianças. “São mais simples que para os adultos, o molho não tem muito condimento e tem o que as crianças mais gostam”. E quando disserem que “acabaram de comer”, peça para elas brincarem na sala de cima, reservada só para os pequenos se distraírem, com brinquedos e atividades.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA